OTONI GALI ROSA

Nascido em 1939 | Olímpia | São Paulo
Artista plástico, ilustrador editorial e publicitário, diretor de criação e arte publicitária.
Ex professor da Escola Panamericana de Arte na cadeirade Técnica do Desenho Publicitário.Ex Chefe do Depto. de Comunicação do Banespa, responsável pelas áreas do Marketing Institucional, Cultural, Comercial e Esportivo, Propaganda, Promoção e suporte às áreas de Endomarketing, RH e RP.

 

Exposições

 

1968

Escola Panamericana de Arte - Coletiva dos Professores.

 

1970

Escola Panamericana de Arte - Panorama da Ilustração Brasileira.

 

1971

MASP - Exposição Internacional de História em Quadrinhos.

 

1972

Escola Panamericana de Arte - Coletiva dos Professores.

 

1975

FIDAM Feira Industrial de Americana - Coletiva
Concurso Cartaz Expovale - equipe - prêmios: Menção Honrosa e 2º. Lugar /

Concurso Painel Nasbe Banespa - equipe - prêmios: 1º. e 3º. lugares
Galeria Emy Bonfim – Feira de Natal.

 

1976

1º. Salão de Arte Banespa - coletiva /

Feiras de Natal: Galerias Emy Bonfim, Azulão e Eucatex.

 

1977

2º. Salão de Arte Banespa - coletiva
Trabalhos expostos nas Galerias Emy Bonfim, Miroglio & Yufon e Acaiaca
Galeria Emy Bonfim - Feira de Natal.

 

1978

MASP Exposição Anual dos Ilustradores do Brasil
Teatro Cacilda Becker - Coletiva dos Ilustradores dos Brasil
CEROC Centro de Estudos e Pesquisas do Instituto de Radioterapia Oswaldo Cruz
– individual /

Galeria Academus - Shopping Center Ibirapuera - coletiva /
Grêmio Literário Barretense - Semana de Arte e Literatura - coletiva /
Galeria Letícia Trauczynski - Curitiba - coletiva /
Tênis Clube de Santo André - coletiva /
Centro de Arte Banespa - coletiva inaugural /
Galeria Academus – Pequenas telas de grandes pintores - coletiva.

 

1979

MASP Exposição Anual dos Ilustradores do Brasil /
Museu de Belas Artes do Rio de Janeiro - Coletiva dos Ilustradores do Brasil /
J.W. Thompson Publicidade - coletiva /
SESC - Arte Fantástica - Coletiva dos Ilustradores /

A Casa Grande Galeria de Arte - São José do Rio Preto - coletiva /
Museu de Arte Mococa - Coletiva dos Ilustradores do Brasil /
1º. Salão do Artista Publicitário - Galeria Shopping News.

 

1980

MASP Exposição Anual dos Ilustradores do Brasil /
SESC Paulista – Coletiva dos Ilustradores /
Galeria Fernando de Noronha na 1ª. feira Nacional de Arte e Artesanato - coletiva /
Concurso para cartaz Festa do Peão de Boiadeiro - 3º.  Colocado /
DAN Galeria de Arte - feira de Natal.

 

1981

Galeria de Arte Novo SENAC - Ribeirão Preto - coletiva /
New York Coliseum - Art Expo - coletiva /
Casa Nova Galeria de Arte - coletiva /

A Casa Grande Galeria de Arte -  São José do Rio Preto - coletiva /
CADES Galeria de Arte -  Santos - Individual.

 

1982

Biblioteca Municipal de Caraguatatuba - coletiva /
Galeria Presença e Arte - coletiva /
15ª. Art Chapel Show -  coletiva /
Tendência Galeria de Arte - Campinas - coletiva /
Galeria de Arte Jardim Contemporâneo - Ribeirão Preto - individual /
Blumenau - coletiva /
Hotel Opala - Barretos - individual /
Galeria Babelidu’s - coletiva /
Galeria Academus - coletiva /

Japão - Coletiva de Artistas Brasileiros.

 

1983

16ª. Art Chapel Show - coletiva /
Clube Internacional de Santos - coletiva de gravuras /
CADES Galeria de Arte - Santos - coletiva de gravuras /
Centro Cultural de Ituverava – coletiva do Grupo 4 /
Bragança Paulista - coletiva /
Espaço 1900 - coletiva de gravuras do Grupo 4.

 

1984

GEROT Galeria - individual /
Amparo - iniciativa Portal Galeria de Arte - individual /
Cove Gallery - Naples-Flórida - coletiva /
Tenda Galeria de Arte - coletiva /
Le Centre International d’Art Contemporain - Paris - Medalha de Prata em pintura figurativa / Assis - coletiva de gravuras /
Clube Sírio Libanês - coletiva de Arte Contemporânea /
Galeria Rubayat - coletiva /
Novo Hotel São Paulo - coletiva /
Galeria Babelid’us - Clube Alto de Pinheiros.

 

1985

Espelho D’Água – Belém - Portugal - Coletiva de Arte Brasileira - Medalha de Ouro Especial / Galeria Rubayat - obras de Otoni e Cazarré.

 

1986

desenvolve novo tema: anatonia humana /
Annuaire Internationale de I’Art - França /
Galeria Anima - coletiva /
Galeria Arte Atual - Presidente Prudente - coletiva /
Country Clube Nova Friburgo - RJ - coletiva /
Galeria Integração - Santos coletiva /
Centro Cultural de Garça - coletiva /
Tênis Clube de Jundiaí - coletiva /
Calendário LIoyd’s Bank.

 

1987

lançamento da obra “11 CAMINHOS” no Espaço Fernandez Mera - coletiva dos autores / lançamento da obra “PREPARE-SE” ilustrado pelo artista - E.C. Paulistano /
Painel para o Clube Hípico de Santo Amaro /
Galeria Performace - Brasília - coletiva /
A Casa Grande Galeria de Arte - São José do Rio Preto - coletiva /
inauguração do Espaço Citycorp – organização Galeria Basílio -
Exposição Centenário de Villas Lobos /
Galeria Rubayat - coletiva gravuras.

 

1988

Biblioteca Presidente Kennedy - Exposição comemorativa do aniversário de Santo Amaro - coletiva /
Exposição comemorativa 100 anos de Villas Lobos - Paris - França - coletiva - o seu trabalho foi escolhido para o poster de divulgação e publicado no L’Express de Paris abrindo a matéria sobre a exposição /
Equador - Coletiva de Arte Brasileira.

 

1989

Museu da Arte Brasileira - FAAP - Graphicorpus (São Paulo e Milão) - Otoni Gali Rosa e Nani Tedeschi.

 

1990 a 1999

afastado das artes plásticas, continuou atuando na arte publicitária e editorial.

 

2000

retornando às artes plásticas com o tema “Frutos da terra”.

 

2002

III Terceira Bienal de São João da Boa Vista.

 

2005

Escola Panamericana de Arte – Dom Quixote, 400 anos depois – coletiva.

 

2011

Museu da Arte Brasileira - FAAP - Marcas do Expressionismo (obra de acervo) - coletiva.

 

2014

Club Transatlântico – Graphicorpus3 – individual.

Bric a Brac – Reencontro II - coletiva.

 

2015

Make a Wish – leilão.

Galeria Spazio Surreale – Arte em Confronto – coletiva.

Cultura Inglesa – Centro Brasileiro Britânico – coletiva.

Art Talent Show – Padova/Itália – coletiva (programada para novembro).

Esporte Clube Pinheiros – Arte no Esporte - Individual

 

2016

Galeria Spazio Surreale – Arte Surreale - coletiva

 

2017

XXXI Mostra de Arte 2018 - Vida Casa de Apoio da Granja Viana – coletiva

Elephant Parade 2017 São Paulo - A Arte Transforma - Extinção Vira Preservação - coletiva/leilão

Exposição Flags of Arts - Veneza/Itália - coletiva

Dog Art 2017 - Condomínio Conjunto Nacional - coletiva

Leilão Dog Art 2017 - Instituto Gustavo Rosa - leilão

Affordable Art Fair - New York (USA) - coletiva

 

2018

IV Exposição Coletiva Dia Internacional das Mulheres

“Essas Mulheres Maravilhosas” Limeira/SP - coletiva

Inn Gallery – Arte e Design – coletiva

Expo “Mysterious Nature” Nova York U.S.A - coletiva

Mistérios das Cores e da Natureza – Arte Aplicada/Chovendo Arte – coletiva.

OCA – Feira Paralela Design - coletiva.

XXXII Mostra de Arte - Vida Casa de Apoio da Granja Viana – coletiva.

São Paulo Expo - Arte e Velocidade / Renault / Casa do Zezinho - Avant Première do 30º Salão Internacional do Salão do Automóvel – coletiva

2019

XXXIII Mostra de Arte - Vida Casa de Apoio da Granja Viana – coletiva.

OCA – Paralela  – coletiva.

Arte e  Zeitgnössische Kunst – Weisbaden – Alemanha– individual.

Art3f. – La Halle Tony Garnier - Salon International d’art contemporain.

Resumo

 

Principais participações no Brasil

• MASP (71/78/79/80)

• MUSEU DE BELAS ARTES DO RIO DE JANEIRO (79)

• MUSEU DE ARTE BRASILEIRA - FAAP (89) – Otoni Gali Rosa e Nani   Tedeschi

• III BIENAL DE SÃO JOÃO DA BOA VISTA (2002)

• MUSEU DE ARTE BRASILEIRA - FAAP - Marcas do Expressionismo (2011)

• CLUB TRANSATLÂNTICO – Individual (2014)

• BRIC A BRAC - Reencontro II (2014)

• MAKE A WISH - (2014)

• SPAZIO SURREALE - Arte em Movimento (2015)

• XXIX MOSTRA DE ARTE DA GRANJA VIANA - (2015)

• ART TALENT SHOW – PADOVA/ITÁLIA – coletiva

• EC PINHEIROS – Individual (2015)

• SPAZIO SURREALE – Arte Surreale (2016)

• CONSTRUÇÃO DA ARTE - Instituto Gustavo Rosa - coletiva (2017)

• ELEPHANT PARADE 2017 SÃO PAULO – coletiva (2017)

• DOGART 2017 – Conjunto Nacional - coletiva (2017)

• LEILÃO DOG ART 2017 - Instituto Gustavo Rosa (2017)

• LEILÃO ARTE E VELOCIDADE RENAULT – Leilão Beneficente Casa do Zezinho (2018)

 

Principais participações no exterior

• USA – N. York (Coliseum Art Expo – 81)

• JAPÃO – Tokio (82)

• NAPLES – Florida (84)

• FRANÇA – Paris (84/88)

• PORTUGAL – Belém (85)

• EQUADOR – Quito (88)

• ITÁLIA – Milão (89) – Otoni Gali Rosa e Nani Tedeschi
• ITÁLIA - Padova (2015)

• ITÁLIA - Tivoli (2016)

• ITÁLIA - Padova (2016)

• ITÁLIA – Veneza (2017)

• USA - New York (2018)

• USA - New York (2019)

• FRANÇA - Lyon (2019)

• ALEMANHA - Wiesbaden (2019)

 

Principais citações editorais

• Annuaire Internationale de L’Art (86)

• 11 Caminhos (87)

• L’Express (Paris) – revista semanal (88)

 

 

Comentários

 

“...É possível desenhar e pintar a anatomia humana com o realismo da tradição e as audácias da modernidade. Evitando o hiperrealismo, Otoni Gali Rosa consegue ser extremamente preciso na representação do corpo humano.Ao mesmo tempo, ele inova na forma de expressá-lo,

em atitudes atléticas, a magnificar a força, a agilidade, a vitória da energia muscular sobre a inércia da matéria...

...nossa sensibilidade estética é comovida pela beleza destas anatomias, mas ao mesmo tempo algo inquietante, no sentido próprio da palavra, nos obriga a refletir sobre as possibilidades ainda desconhecidas de nosso corpo...”

 

Josette Mazella di Bosco Balsa do livro “11 Caminhos” maio/1987

(Critique d'Art membre d'AICA, Association Internationale des Critiques d'Art

Curateure membre de C-E-A, Curators of Exhibitions Associated

Officier de l'Ordre des Arts et des Lettres, Ministere de la Culture, France)

 

 “Para Otoni, meu pai.

...O papel tornado corpo. Nas curvilíneas veias, o sangue traçado em carvão, de um tanto viscoso,

deslizando pelo ensaio do formato que ainda espera por contorno e preenchimento e finalização.

Porque final ainda nada o é. Nem a assinatura encerra a obra. O traço solto e teimoso não se rende.

E não se encerra na descendente cintura, no sobressalente intrincado tornozelo, a contorcida orelha, a genitália explodindo em cor, expressionista e crua. Sem retoque e disfarce.

Assumidamente indecente e sã...”

 

Gabriela Ramos Rosa

crônica

outubro/2007